Logomarca NCA Comunicação

Abr16

O General Inverno?

Escrito por Edson Vidal Categorias // Flagrantes do mundo jurídico Lidos 162

Será que uma primeira baforada de vento frio de outono arrefeceu os ânimos dos soldados da Gleisi Lula Hoffman? Parece que alguns invasores foram defenestrados pelo ar gélido da noite; a viola que animou as noitadas quentes foi para o fundo do baú.

Os ocupantes das imediações da Superintendência da Polícia Federal necessitam de apoio imediato, sob pena de perderem a posição e abandonarem o Rei da Pinga. É sempre assim: ninguém aguenta muito tempo fazendo arruaças sem resistência, o bom mesmo para os “movimentos populares” é quando um ou dois de seus militantes são mortos ou sofrem violência física.

A propósito conto um episódio acontecido nos idos de 1.985, quando eu estava Diretor-Geral da Secretaria de Segurança Pública do Governo Álvaro Dias, sendo o Secretário da Pasta o Dr. Antônio Lopes de Noronha, este me pediu para coordenar a desocupação de uma área de terras reflorestada, invadida pelo Movimento dos Sem Terras.

A retomada da posse estava escorada em decisão judicial. Tomei todas as medidas, reservei aporte econômico suficiente para mobilizar o Batalhão de Choque da Polícia Militar, com gasolina, alimentação e munição se houvesse necessidade. O Comandante-Geral e o Chefe do Policiamento do Interior (CPI) deslocaram trezentos e cinquenta homens para a região invadida.

Para evitar excessos eu fui testemunha presencial da operação militar, que foi devidamente gravada por câmeras de vídeo-tape. Documento precioso para demonstrar a atuação da PM e a reação dos invasores.

Antes de entrar na área a Tropa ficaram de frente para os invasores, cada soldado perfilado, ombro a ombro, todos armados conforme planejamento estratégico elaborado pelo Estado-Maior. O Batalhão de Choque é considerado de elite, pois seus integrantes são rigorosamente treinados e disciplinados. É obediente a ordem de comando. Para enfrentá-los, numa primeira fila vieram às crianças, arremessando pedras contra os soldados. Estes se defendiam com os escudos que portavam. Depois, na segunda fila, vieram as mulheres segurando latas de excrementos e arremessavam contra seus “inimigos”.

E finalmente, em uma terceira fila, vieram os marmanjos com gritos histéricos, gestos ameaçadores com paus e foices, cuspindo e provocando os militares à atirarem. E um destes homens fardados, não aguentando tanta provocação e desaforo, apontou sua arma para o chão e apertou o gatilho. O projétil disparado acertou o dedo do pé de um Sem Terra. Suficiente para a Imprensa Nacional e Internacional destacar como manchetes de primeira página, a violência da Polícia Militar paranaense.

E o pior: no dia seguinte o Governador recebeu mais de quinhentas representações de órgãos de Direitos Humanos, OAB e do governo Cubano, exigindo providências rigorosas para punir o autor do disparo e a destituição de seus comandantes. Deste episódio em diante o Governador não autorizou mais nenhuma imissão de posse no Estado, quando as invasões fossem feitas por Sem Terras. Omissão que perdurou nos governos do Requião, sem qualquer reação por parte do Judiciário.

Claro que essa tolerância fez crescer o Movimento Guerrilheiro no Paraná, porque o Estado olvidou do direito dos legítimos proprietários das terras invadidas. Hoje, esse grupo de desocupados e violentos acha que podem tudo é por isso desafiam o Estado Democrático de Direito. Além de receberem ajuda econômica, seus membros são aquinhoados até como cursistas de Direito na Universidade Federal do Paraná. Muitos dos professores desta são declaradamente comunistas de carteirinha.

O MST está aparelhado e pronto para colocar fogo na democracia. Não lhes faltam Lula, Gleisi, Requião e Lindenbergs para lhes incentivar e realizar atos fratricidas; e agora teimam em querer que o Rei da Pinga, seja solto. Só que precisa de fôlego novo cada dia, para suportar o frio e a chuva, necessitam as presenças físicas de seus “líderes” e professores simpatizantes. Estes, muito espertos, quando cai à noite se aninham em suas casas e dormem um sono reparador. Militante sempre é e será um inocente útil, que acredita em ideologia e desconhecem as reais intenções de seus dirigentes. Estes almejam serem os ditadores do proletariado.

E que a raia miúda, a gentalha, continue praticando atos de vandalismo e se sujeitem a serem vítimas para o bem da Causa. Quem vai combater essa guerrilha? Pena que tudo mudou hoje em dia as autoridades vive nos seus próprios mundos, ignorando que lugar de desocupados e baderneiros é na cadeia!

E não nas universidades e nem esparramados nas vias públicas...

“MST é guerrilha muito bem montada e planejada.
O Estado não pode mais ignorar suas ações atentatórias à democracia.
As leis existem para serem cumpridas. E ninguém está acima da lei!”
Edson Vidal Pinto

blog comments powered by Disqus

Blog da Bebel

Natal com 70% de desconto promete movimentar Curitiba

Mais uma edição do Bazar Moda do Bem está chegando nos dias 7 e 8 de dezembro

Leia aqui

Grupo Nymphas 40 anos

O Grupo Nymphas está completando 40 anos de existência!

Leia aqui

InPAR realiza a terceira edição do Dia do Desafio Ambiental

No dia 27 de outubro, ocorre a 3ª edição do Dia do Desafio Ambiental

Leia aqui

Flagrantes do Mundo Jurídico

João, João, Até Você.

E da noite para o dia a vida do homem milagreiro se transformou em nada. Um apocalipse aconteceu em Abadiânia e fez desabar a Casa de Dom Inácio. E para consertar a propriedade João sacou do banco, na última sexta-feira, trinta e cinco milhões de reais.

Leia aqui

É Difícil de Acreditar.

Nesta data estou redigindo meu crônico número 954, uma por dia desde 04 de maio, que caiu numa quarta-feira, do ano de 2.016. Muitas delas nem publiquei neste espaço que inaugurei só em 23 de dezembro de 2.016, porque até então não conhecia o suficiente a força do whatsapp e muito menos a minha paciência de digitar nas letras miúdas do meu telefone celular.

Leia aqui

O Gato de Botas.

Na semana que passou duas notícias chamaram a atenção: as acusações contra João de Deus por algumas mulheres que se dizem assediadas pelo renomado espírita; e o término da farra das romarias até a manjedoura onde o Lula estava atendendo seus inúmeros clientes.

Leia aqui

No balcão sem frescura

Italianos e o Churrasco...

Quando criança, íamos passar o final de semana na chácara em São Luiz do Purunã. Me recordo de acordar aos domingos com o sino da igreja soando de maneira extremamente delicada, é algo que até hoje tem um significado

Leia aqui

Festival de Petisco em bares de Curitiba

Os amantes das comidas típicas de bares assim como eu, poderão se deliciar com o 1º Festival de Petisco de Curitiba

Leia aqui

“Típica dos botecos”, carne de onça vira patrimônio de Curitiba

Votação unânime na Câmara de Vereadores, nesta segunda-feira (5), promoveu a carne de onça – “uma comida típica dos botecos” – a patrimônio cultural imaterial de Curitiba (005.00096.2016)

Leia aqui

Mamãe, eu quero!

Bolachas Decoradas de Natal entram na lista de presentes

Uma receita familiar é o início da história das Bolachas Vovó Elza

Leia aqui

Drone Kids School abre cursos de férias em Curitiba

Demonstração será neste sábado, aberta ao público

Leia aqui

Para a alegria das crianças, já é Natal!

O Natal Curitibano está cheio de magia e até o final do ano tem muitas atrações para os pequenos. Além do Papai Noel, vai ter Galinha Pintadinha, princesas da Disney e outras surpresas.

Leia aqui

E-ticket

Viajar de carro no Brasil

Cada vez mais as road trips são um novo segmento de destaque entre os Brasileiros. O resgate de viajar de carro é poder explorar e conhecer sem pressa os encantos de cada região

Leia aqui

Barreado fora de Morretes!!

Com esses dias frios, nada como comer bem. A dica de hoje é uma tradicional receita do litoral Paranaense: o barreado. Mas nem só em Morretes, podemos degustar essa maravilha e por isso mesmo listamos algumas opções locais imperdíveis

Leia aqui

Chope nas alturas

Sim, a notícia mais comentada da semana no setor de Turismo, depois das Olimpíadas, foi a divulgação da companhia aérea holandesa KLM que a partir de agosto, passará a servir chope de barril em seus voos

Leia aqui

Aplausos

Musical com teatro de bonecos anima o fim de semana no Shopping Estação

Espetáculo Voou será apresentado no sábado (24) e no domingo (25)

Leia aqui

Curitiba recebe exposição fotográfica de Marina Klink

Registros da Antártica representam o olhar significativo da fotógrafa sobre as riquezas naturais do planeta

Leia aqui

Caixa Cultural Curitiba apresenta o samba de Anaí Rosa

Cantora paulista vai se apresentar com músicos de Curitiba

Leia aqui